quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Meu pé de laranja lima, por Carol Remor


Titulo: meu pé de laranja lima
Autor:Jose Mauro de Vasconcelos
Meu Pe de Laranja Lima
Este livro conta história de Zeze e sua relação com um pé de laranja lima. Zeze descobriu
o que era ser grande muito antes do tempo.
Em suas proprias palavra: Eu sou muito arteiro,sou levado,muito peralta. Vivia apanhando de sua irmã Jandira, so a godoia nesta vida gosta de mim. Seu pai vivia bebedo depois que perdeu o emprego, sua mae trabalhando na fabrica local.Tinha outros irmaos que nem dava fé dele. Toto que era acima dele vivia lhe dando chutes, mas era com ele que aprendia as coisas da rua e luizinho era muito pequeno necessitava de seus cuidados,era seu maior amigo.
Zeze era muito esperto,passava o seu tempo fazendo peraltice. ao mudar-se para uma nova casa, encontrou no quintal um pé de laranja lima,tao logo o adotou, dizendo ser dono desta franzina arvore. Neste ponto começamos nossa historia.
Zeze para fugir do seu mundo,pobre, sombrio cheio de miseria encontrava refugio subindo no pequeno pé de laranja lima. Conversava com a arvore deabafando e dizia que sua arvore lhe respondia.O melhor deste livro são os dialogos travados entre o menino e seu pe de laranja lima .
o mundo de Zeze começa a desabar quando escuta uma conversa de seu pai com seu tio dizendo que uma estrada ia passar bem no fundo do quintal no lugar onde esta plantado o seu pé de laranja lima.
Zeze passa por muitos percalsos, engraxa sapatos , ajuda ao mascate vender pequenos objetos e lireratura de cordel. faz do seu passa tempo predileto pegar carona na traseira do relusente carro do portugues ,o qual chama de portuga.
Homem solitario que a principio queria dar uma enorme surra em zeze, devido aos constantes sustos que sofria ao ver o peralta na traseira de seu carrão.
Zeze se encantava com aquele carro,era muito pobre e nao tinha a iluzão de um dia andar em um carro como aquele. Apos muitas contendas se tornaram amigos ,em segredo porque zeze jurara matar o portuga apos uns safanões que levara. O velho portugues solitario encontrara naquele menino que conversava com uma arvore muita ternura,muito amor e que sofria por saber estar sua amiga condenada a ser derrubada. O portuga praticamente adotou aquele menino e levava a passear lhe dava lanche faziam pequeniques,pescavam .
A amizade cresceu porem certo dia Zeze saiu com sua caixa de engraxar para ganhar uns tostoes,quando avistou uma multidão na passagem da linha do trem.
tinha acontecido um acidente fatal com seu portuga.Zeze estarrecido correu para casa, deitou na cama começou a chorar e adoeceu .todos pensavam que era devido á eminente derrubada da arvore. Quando apos uma semana melhorou seu pai disse para nao chorar, se alegrasse porque tinha conseguido emprego se curado da bebedeira e iriam mudar para uma casa melhor onde ele teria muitas arvores para escolher quantas quizesse estaria longe quando sua arvore fosse cortatada,nem sentiria .
Zeze lembrou das conversas com seu portuga e pensou dizendo ,nao adianta papai ,faz uma semana que cortaram meu pé de laranja lima.
Eu gostei muito do livro, pois conta a história de um menino pobre, humilde, que se contentava com muito pouco, e nos comove bastante.




Quer conexões de rede mais fácil? Clique e conheça o Windows 7.

Nenhum comentário:

Postar um comentário